sábado, 13 de novembro de 2010

Um breve conceito de vida

Se a gente faz o que manda o coração, lá na frente, tudo se explica. Por isso, faço a minha sorte. Sou fiel ao que sinto. Aceito feliz quem eu sou. Não acho graça em quem não acha graça. Acho chato quem não se contradiz. Às vezes desejo mal. Sou humana. Sou quase normal. Não ligo se gostarem de mim em partes. Mas desejo que eu me aceite por inteiro. Não sou perfeita, não sou previsível. Sou uma louca. Admiro grandes qualidades. Mas gosto mesmo dos pequenos defeitos. São eles que nos fazem grande. Que nos fazem fortes. Que nos fazem acordar. Acho bonito quem tem orgulho de ser gente. Porque não é nada fácil, eu sei. Por isso continuo princesa. Continuo guerreira. Continuo na lua. Continuo na luta. No meio do caos que anda o mundo, aceitar é ser feliz.

domingo, 7 de novembro de 2010

Sociedade

Na sociedade muitas vezes temos que passar para as pessoas o q elas querem ver e não oq realmente somos por que infelismente em pleno século 21 ser diferente pode nos trazer inferioridade aos olhos de otras pessoas, seja por roupas q vestimos, músicas q escutamos ou até mesmo modo de falar e agir, porém, devemos ser diferentes mostrando q vivendo cada um do seu modo vai ser melhor do q viver seguindo um mesmo padrão fugindo de quem realmente somos.